Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
INSTINTO SELVAGEM !

você olhou nos meus olhos
enroscou-se nos meus braços
me fez queimar no seu fogo
me fez jogar o seu jogo
e apesar dos entraves
eu cheguei a acreditar
que tudo era pra valer!

e numa ânsia tão louca
misturamos nossas bocas
e eu peguei os meus sonhos
e os joguei aos seus pés
e acreditei no impossível!

mentiras e fingimentos
feriram meus sentimentos
mas a dor um dia passa
e talvez você encontre
outro alguém para misturar
o sal das suas lágrimas
mas pode ter a certeza
jamais com o mesmo carinho!

e um leão nunca esquece
quem lhe cravou o espinho
pois mais dia menos dia
até as pedras se encontram
e pode ser que por acaso
ou talvez por ironia
por seu instinto selvagem
por vontade ou por pirraça
ou pelo orgulho movido
ele faça do caçador a caça
e você não vai ver graça
nas garras de um leão ferido!

Antonio Carlos de Paula
poeta e compositor

AC de Paula
Enviado por AC de Paula em 28/12/2005
Reeditado em 01/06/2007
Código do texto: T91347
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
AC de Paula
São Paulo - São Paulo - Brasil
1163 textos (114654 leituras)
226 áudios (20099 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 10:39)
AC de Paula