Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

olhei para seus olhos e vi...

Olhei para seus olhos & vi
Sua estrada em meio as brumas
Olhei para dentro de ti
Observando seu passado
Quase passando na minha frente
Olhei para esse brilho nos olhos
E pude ver o quanto se esforça
Para ser mais feliz e feliz
Olhei para o fundo de sua alma
E pude ver o quanto lhe falta
E do que tens medo
Olhei seu olhar em súplica
Procurando algo ao fundo do poço
Como se o fundo estivesse ao alcance da mão
Olhei & vi que nada conseguia pegar
Sem poder mostrar o que realmente é
Para não desagradar aqueles que a rodeiam
Olhei mais fundo & vi a criança
Que ainda balança com a canção de ninar
E chora por qualquer motivo
Olhei & sorri
Estendendo a minha mão & o meu ombro
Para que, quem sabe pudesse afinal ver,
Que nada pode ser conseguido sem se mostrar
Que nada pode ser alcançado sem se envolver
Que nada pode ser conquistado sem luta
Olhei de novo & vi outra luz
Quem sabe um novo caminho a ser descoberto
Um novo mundo a ser desbravado
Olhei & senti o quanto precisas mudar
Mostrar que não precisa mostrar nada
Que tem que ser apenas você mesma
Sem meias-palavras, sem máscaras,
E nunca ter vergonha de ser o que é
Olhe para o espelho & veja além dele
E descubra aquilo que está debaixo de seu nariz
Ninguém precisa ser melhor do que ninguém
Basta apenas ser autêntico consigo mesmo
Com todos à volta & com tudo
Sempre digo que cada dia vivido
E bem vivido é um aprendizado
E enquanto tiver consciência de que estou aprendendo
Sei que há um sentido para viver intensamente cada momento
Trabalho, amizade, paixão, amores, tesão, fazem parte do saber,
Viver é dar um passo de cada vez, sempre.

Peixão89
Desabafos 2 – 1999-2000
Peixão
Enviado por Peixão em 01/04/2005
Reeditado em 25/07/2009
Código do texto: T9141
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120250 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 01:58)
Peixão