Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
RÁIAS DA LOUCURA

parou vestindo
seu traje de festa,
frente ao espelho
nua de alegria,
olhou a ruga
lhe enfeitando a testa,
pouco ligando
ao que esta lhe dizia,
cantarolou,
tal como antigamente,
ousou sorrir,
coisa que não fazia,
bem reparou
que estava diferente,
fingiu porém
que nada percebia!

e foi pra rua
decididamente,
a esquecer
o peso do passado,
andando à êsmo
tão indiferente,
à importância
do certo e do errado,
embriagou-se
de gotas de orvalho,
e nas carícias
da noite escura,
seguiu sem rumo
por motivos vários,
quase chegando
às ráias da loucura!

antonio carlos de paula
poeta e compositor
AC de Paula
Enviado por AC de Paula em 29/12/2005
Reeditado em 31/05/2007
Código do texto: T91769
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
AC de Paula
São Paulo - São Paulo - Brasil
1163 textos (114671 leituras)
226 áudios (20099 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 00:38)
AC de Paula