Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FÉRIAS.

Coisa boa: férias.
Por trinta dias não serei escravo.
Xô para a Casa Grande e a Senzala!

Por trinta dias...

Mas, o corpo tá cansado.
Um ano de trabalho é muita coisa.

Cuidar da casa,
Do cachorro,
Do carro,
Dos filhos,
Atualizar-se na profissão.
O transporte,
O transito,
O patrão.
O mala do lado,
O almofadinha,
O pretensioso,
O escalador,
Aquele almoço self service
Que já não desce mais,
A rotina pra mais de trinta anos
De bons serviços prestados
E uma aposentadoria que ultraja.

Férias....LIIIIIIIIVREEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE!

No costão da praia de Itacoatiara,
Olhando o mundão chamado mar.
Um surfista virtual,
Surfando em cada onda!
Que bom!

A gaivota migrando,
A garça paciente,
A fragata em altíssimo vôo,
O cheiro de marisco,
As ondas batendo,
O sol...que brilho
Intenso.

Férias...LIIIIIIIIIIIIIIVREEEEEEEEEEEEEEEEEEE!

Uma água de coco,
Um picolé,
Os pés na areia,
Mais um sacolé,
Um mergulho
De alma lavada.
Xô Casa Grande e Senzala!

Como disse o poetinha: que seja eterno enquanto dure...por trinta dias ao menos.
jose antonio CALLEGARI
Enviado por jose antonio CALLEGARI em 30/12/2005
Código do texto: T92197
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
jose antonio CALLEGARI
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 53 anos
475 textos (25268 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 08:22)