Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ÚLTIMO DIA DO ANO

ÚLTIMO DIA DO ANO

Mário Osny Rosa

É o encerramento
Espere só um momento.
Tenho algo a escrever
Para que possas ler.

E algum dia rever
Desse ano que termina.
Não sendo a grande mina
Do que aqui vou dizer.

Ano que o povo reprovou
Com todas as querelas.
Como viver com as mazelas
Que brasileiro assustou.

Aqui fica o grande lamento
Os risos dos ricos e avarentos.
O pobre no mundo do sofrimento
E logo a fome vai corroendo.

Rico continua a esbanjar
A pobreza fica a olhar.
Sem sua vida melhorar
Nem tem onde trabalhar.

O fim do dia
O fim da semana.
O fim do mês
O fim do ano.

O fim é o começo
Continua mais um ano.
Amanhã já será outro
Qual será o tropeço.

Com sorriso ou sem sorriso
O ano vai começar.
Uma trajetória de risco
É viver neste aprisco.

Só resta esperar
Quem arrisca prever.
Nesse confuso mar
O que vai acontecer.

Agora eu vou parar
Não sou grande vidente.
Para mais anunciar
O povo está descrente.

São José/SC 31 de dezembro de 2.005.
morja@intergate.com.br
www.mario.poetasadvogados.com.br




Asor
Enviado por Asor em 31/12/2005
Código do texto: T92649
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Asor
São José - Santa Catarina - Brasil
1677 textos (36850 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 12:19)
Asor