Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Noturno

Mergulho no céu
Nado entre as estrêlas
Seguro na beira da lua
Encontro constelações
Afundo numa nebulosa
Sou arrastada na cauda do cometa
Sou salva por um asteróide
Procuro você em todos os planetas
Você não está em Netuno
Nem Marte
Nem Saturno
E assim acabo esse poema noturno
Pois vem chegando a madrugada
E eu aqui só e abandonada!
Mas deixa amanhecer o dia
O sol raiar e brilhar com euforia
Vou sair por aí na maior alegria
Afinal você não existia
Era só motivo para minha poesia!
 
 
Marly Caldas
Enviado por Marly Caldas em 02/04/2005
Código do texto: T9292
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Marly Caldas
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 77 anos
513 textos (27635 leituras)
2 e-livros (311 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 00:41)
Marly Caldas