Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Longe da saudade

Hoje me afastei da saudade,
dei um basta na solidão.
Coloquei meus pés na estrada,
larguei-me louca, apaixonada
atrelada à alegria que rasteia esse chão.


Sigo o curso da esperança,
nos jardins da vida, junto, vão minhas flores.
Nada toca, o vento não espanta minha alma,
nas tempestades secas que refazem minha calma,
repouso amor em  leitos onde em rios mergulham despedidas.


Abandono minhas raízes,
sem rédeas, comando sóbria o destino
libertando-me dos claustros da hipocrisia.
Dito as regras, imanto nova vigília
fazendo do seu corpo meu terno exílio...


Hoje me despi da saudade,
entreguei-me nua ao desejo de ser em você o prazer.
Busquei o vermelho na  paixão que pintou meu caminho
amando em noites repetidas em estribilhos
revestindo-me das madrugadas para em seu corpo amanhecer.

*****

http://acrampin.blog.uol.com.br
Aisha
Enviado por Aisha em 02/01/2006
Código do texto: T93237
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Aisha
Jundiaí - São Paulo - Brasil, 50 anos
791 textos (35174 leituras)
1 e-livros (57 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:29)
Aisha