Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SEREIA

No mar de coisas brilhantes
Rasgam-se maretas prisioneiras
Ostras bonitas, coxas magnificas
Choram -Vinagreiras

Aos homens-rãs do cardume
Esboçam perspectivas
De graças primeiras

Maretas de pontas intensas
Vão e vem, imaturas e corredeiras
Errantes, quase perdidas
Entre dádivas cegueiras!
R J Cardoso
Enviado por R J Cardoso em 07/01/2006
Reeditado em 31/07/2016
Código do texto: T95578
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
R J Cardoso
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
3128 textos (79555 leituras)
2 e-livros (393 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 22:34)
R J Cardoso