Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

canto triste

Pingos de chuva vem limpar meu corpo
Carícias do vento me consolam
Mas a dor é infinita e maltrata como uma ferida
Maldição de nascença, destino traçado.
Coragem para fugir do pecado,
Sangue nas veias,
Sorriso forçado,
Língua presa,
Vontade de morrer!
Solidão de viver ao teu lado,
Homem cruel!
Medo de denunciar
Raiz maior que a dor
Sede
Fome
Febre
Sangue
Tudo pronto para
Morrer em teus braços
Filho do demônio
Filha do diabo
Homem que se alimenta do sangue do seu sangue
Merece ser queimado!
Eu não sei meu destino nesse mundo desgraçado, que permite
Uma criança viver para morrer antes de crescer.
SHIRLEY CASTILHO
Enviado por SHIRLEY CASTILHO em 09/01/2006
Reeditado em 05/12/2006
Código do texto: T96370
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
SHIRLEY CASTILHO
Belém - Pará - Brasil
50 textos (4702 leituras)
4 e-livros (1351 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:19)
SHIRLEY CASTILHO