Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMOR E DOR


Por que o amor se permite
Tanto assim nos maltratar?
Fazer artes, aprontar,
Esgueirar-se atrás da porta
Qual criança em reinação?

Amor virou bolha de sabão,
Flutuou, atravessou a rua
E se desfez em água,
Longe da palma da mão.


Fevereiro, carnaval em Olinda,
A paixão nasceu.
Quem esse ato deslinda?
Durou duas estações.
Na primavera murchou.

Desvesti a fantasia
E descalcei a folia.
Amor pequenininho,
Amor mesquinho,
Bandido e enganador.

O acaso me fez revê-lo
Num novo entrudo,
A sol pleno
Mas em desfavor...
Acenei-lhe. Não me viu.

O amor, mascarado de marujo,
Perdeu-se nalgum bloco de sujos.




poema da década de 70.

 
KATHLEEN LESSA
Enviado por KATHLEEN LESSA em 10/01/2006
Reeditado em 26/10/2013
Código do texto: T96651
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
KATHLEEN LESSA
São Paulo - São Paulo - Brasil
3682 textos (2127687 leituras)
14 áudios (7337 audições)
36 e-livros (47493 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 10:43)
KATHLEEN LESSA