Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DIABRURAS.

Eram diabruras
O que fazia o menino,
Coisas que criança faz:
-Não batas mais que criança,
-Nunca sabe o que faz.

E o menino nada mais fazia,
Que diabruras infernais,
Diabruras das tais
Que qualquer crianças faz.
-Não batas mais na criança,
-Isto não dura que um ano mais.

E não durou, tudo acabou.
Rebenques sem uso,
Sem razão, sem ação.
O menino mudou,
O mundo virou,
Já não faz diabruras,
Que qualquer crianças faz.

Faz coisa pior,
Que bater não cura,
Que chorar não comove,
Agora é homem,
Já não faz diabruras,
Que qualquer crianças faz.
Já não sabe expandir amor,
Que qualquer crianças é capaz,
Já nada mais é,
Que máquina em função,
Da civilização,
Com ação,
Sem razão.

   ( D`Eu )  
Sidnei Levy
Enviado por Sidnei Levy em 04/04/2005
Código do texto: T9670
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sidnei Levy
Campinas - São Paulo - Brasil, 71 anos
298 textos (20816 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 09:46)
Sidnei Levy