Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Versos Doloridos

Uso a dor para manchar sonetos
Não entendo de métrica
Não sei dar o tom certo
às rimas
Faço poemas quebrados
Brinco com a tristeza
Engano o coração
Atropelo a retórica

Beijo a solidão
Escrevo frases soltas
Bebo palavras  vazias
Morro no calabouço da poesia
No ocaso dos dias
sou o anoitecer
A metamorfose do ser
que vê a vida pelos olhos
de um poeta!


Zena Maciel
Enviado por Zena Maciel em 04/04/2005
Código do texto: T9728
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Zena Maciel
Jaboatão dos Guararapes - Pernambuco - Brasil
239 textos (6626 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 04:09)
Zena Maciel