Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ópio de Fantasias

Não chorem no rio da minha dor
Não bebam na taça da minha alegria
São ópios de fantasias
de um poeta sonhador

Vê a mítica luz nas trevas
Deista por natureza
No escuro das cavernas
encontra magia e beleza

Navega com o coração
por oceanos de rimas perdidas
No barco da solidão
refrigera dores partidas

Vive primaveras douradas
em pleno inverno da alma
Sobre o véu de estrelas apagadas
chora lágrimas de prata

Morre no ocaso de cada dia
nos braços de líricos poemas
Entrega-se a doce letargia
destes loucos estratagemas
Recife-28/12/2004
Zena Maciel
Enviado por Zena Maciel em 04/04/2005
Código do texto: T9741
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Zena Maciel
Jaboatão dos Guararapes - Pernambuco - Brasil
239 textos (6626 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 04:19)
Zena Maciel