Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Maldita Senhora

Maldita seja senhora
de asas escuras
De boca tão rubra
De cara pintada
Com olhos de fogo
com garras afiadas
Maldita seja tua espada
que corta os sonhos
como uma cabra alada
Deixa os dias tristonhos
e a felicidade estuprada
Procura outro viajante!
Quem sabe um bandido errante
nos  teus braços possa ficar
Com teus beijos se inebriar
e o desejo de vida saciar
Deixa meu lindo tesouro
que como um laço de ouro
adorna meu coração
Alegra a minha ilusão
como uma linda flor de algodão!
08/12/2004
Zena Maciel
Enviado por Zena Maciel em 04/04/2005
Código do texto: T9760
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Zena Maciel
Jaboatão dos Guararapes - Pernambuco - Brasil
239 textos (6625 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:37)
Zena Maciel