Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEU GRANDE DESPERTAR PSÍQUICO

Eu, poeta, numa certa época
vi-me desfrutando da paz,
luzes e alegrias nas Correntes do Espaço.
Procurava aquele refúgio
sempre que o meu mundo daqui
estava prestes a desmoronar-se.
Eu, poeta, fugia para encontrar os fulgores
daquele Mundo Luminoso
e fechava os olhos para as inutilidades
da vida ao meu redor.
Hoje, poeta, continuo, porém com outros olhos!
Outra é a minha vida.
Outro é o meu enxergar poético.
Outro é o meu pisar nas lascas
e pedras dos caminhos.
Por detrás de cada fisionomia procuro um sol.
Por detrás de cada gesto procuro o verdadeiro.
A minha busca encontrou o quase fim
das mínimas indagações.
Tenho a impressão de que atingi
o grande despertar psíquico!
Voltei ao chão de todos os meus dias.
Voltei para sentir que sempre estive aqui.
E as viagens ao Espaço Sidéreo...
Ensinaram-me a olhar as Luzes
com os pés fincados no duro chão.
Aninha Caligiuri
Enviado por Aninha Caligiuri em 12/01/2006
Código do texto: T98063
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Aninha Caligiuri
Maringá - Paraná - Brasil
70 textos (1359 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 10:19)
Aninha Caligiuri