Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LUA CHEIA.



Num céu negro demais
Num tráfego intenso e louco
De cometas
Você está impassível
Calma
Olhando pra mim.

Me acolhe em seu leitoso ninho
De luz
E de paz.

Quando nova,
Fazendo-se linda,
Atiça-me os versos.
Menina.

Às vezes, tímida, esconde-se de mim,
Dos meus arroubos de poeta apaixonado,
Sedento por sua beleza, e se faz minguante.

Noutras vezes, já segura,
Num crescente vem se revelando aos poucos pra mim.

E sem que  eu perceba,
Desnuda-se sem pudor
Numa noite bem cheia
Lua pronta pro o amor.
jose antonio CALLEGARI
Enviado por jose antonio CALLEGARI em 13/01/2006
Reeditado em 13/01/2006
Código do texto: T98194
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
jose antonio CALLEGARI
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 53 anos
475 textos (25275 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 11:18)