Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CACTO.

Terra seca,
O sol é muito resseco,
O boi campeão
Teve sua derrota,
Morre a macaxeira
Que vive à sombra.
Minhas preces
Não esta ecoar.
No seio de meu bem
O leite secou.

Terra minha herança,
O astro-rei derreteu,
O santo que eu rezo
Peço o milagre,
Eu se implorar,
Não deixe morrer
O cacto.

 (D’Eu - AVC – 10/08/04 )
     
Sidnei Levy
Enviado por Sidnei Levy em 05/04/2005
Código do texto: T9833
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sidnei Levy
Campinas - São Paulo - Brasil, 71 anos
298 textos (20820 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 21:33)
Sidnei Levy