Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESCOLHAS

     
ESCOLHAS...

As nossas escolhas,
As nossa opções,
Como as fazemos?

Quem as faz?...

 Na eterna,
 Na incessante
 Mas efémera
 Busca do amor
 E da paz...

 Quem suscita
 Quem domina
 As nossas emoções?

Quem o faz?...

No emaranhado novelo
Das nossas repressões
Das nossas recordações...

No confuso enleio
Das nossas contradições
E até das nossas regressões

Quem desenleia o novelo
Quem desata o enleio?

Quem o faz?...

Escolhas...
Conscientes
Ou inconscientes,
Acertadas
Ou erradas...
Quem no-las induz?

Quem o faz?...

Cada um de nós,
Ao abrigo
Da sua porção divina,
Faz, de facto,
As suas escolhas?...
Escolhe, de facto,
Os seus caminhos?...

Se assim não é,
Como o faz?
Quem o faz?...

Não traremos todos nós
Numa memória antiga,
Muito recuada,
A planta já desenhada
Da estrutura
A que iremos obedecer,
Sem escolher...
Da construção humana
Que nos compete fazer?...

Não traremos todos nós
Embora,
Assinalado obscuramente,
O mapa do percurso,
Que sem recurso,
Temos de percorrer?...

Escolhas...
Será que as fazemos?
Será que temos tal privilégio?

Então, se sim,
Porquê tão raramente,
Tão esporadicamente,
As nossa escolhas
Fazem as convenientes
Recolhas
E atingem o desejado fim?...

Escolhas...
Opções,
Indecisões...
E, por fim, decisões!

Umas e outras
Quantas e quantas vezes
Redundando
Em tremendas decepções!...

Escolhas...
Como as fazemos?
Quem as faz?...








                                                               




 





                                   
                                 
HELENA BANDEIRA
Enviado por HELENA BANDEIRA em 13/01/2006
Código do texto: T98433
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
HELENA BANDEIRA
Portugal
397 textos (11666 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 06:42)
HELENA BANDEIRA