Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
FRAGMENTOS

No momento, o meu coração, é só tristeza.
Fragmentos frágeis de uma história dissolvida,
Pedaços se diluem nadando contra a correnteza,
Que põe longe de ti o meu amor ego-suicida.

É triste ver os teus lábios tão perto e tão longe...
Teu semblante menino em desabrochado sorriso.
Preferia, agora, enclausurar-me feito um monge
A não ter a certeza de te encontrar no paraíso.

O gosto do beijo antigo ainda comigo trago
Como uma dádiva de Deus - inesquecível lembrança!
Marcas na alma, fizeste-me com o doce afago
De tuas mãos alegres. Renasci... fui criança.

Me embalaste nos braços o mais lindo sonho
E de ti, naquele momento, não ouvi reclamo.
Caí no teu meigo colo feliz e risonho
E hoje gostaria tão somente dizer: Te amo.


(Sertânia, 1984)
Rubens Leite
Enviado por Rubens Leite em 16/01/2006
Reeditado em 20/01/2006
Código do texto: T99472
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rubens Leite
Sertânia - Pernambuco - Brasil, 54 anos
102 textos (24365 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:26)
Rubens Leite