Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um entardecer diferente

Suave bronzeado lusco-fusco, prestes a fugir
do exibido azul bordado com nuvens brancas,
fingindo ser um príncipe encantado a sorrir
à donzela acanhada que esconde suas ancas!

Folhagem oscilando do verde ao acastanhado,
degrade daltônico turquesado, desvanecendo
no arco-íris dançante,que faz um apaixonado,
peregrinar todos os raios de sol encantado!

Porém emaranhada neste brilho tão colorido
a lua doce queria pingar em gotas de sereno,
durante toda a madrugada que viria sorrindo
e o seu olhar ansioso fugia do cenário ameno,

quando orquestra das bolhas tênues entoava
a melodia desenhada ao vento na grandeza,
da música inaudível que o mundo embeleza,
eu me sentia uma flor,tal estrela que voava!

Perdi-me no entardecer, voei alto no sonho;
volta impossível, devido às árvores de prata
derramando frescores e  orvalhando carinho,
nem vi a noite me raptar na bolha flutuante,

que me afastou dançando ao meio da floresta,
eu a própria bolha leve, que da emoção desata
uma lágrima chovida num entardecer diferente,
seria eu lágrima que voa ou a bolha distante?

Santos-SP-19/03/2006
Inês Marucci
Enviado por Inês Marucci em 20/03/2006
Código do texto: T125621
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Inês Marucci
Santos - São Paulo - Brasil, 54 anos
584 textos (23406 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 09:52)
Inês Marucci