Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DEVANEIO DA NOITE



Noturnamente,  sinto os sons dos suspiros,
Acalenta a alma em melancolia
Criei sussurros naturalmente,
Pra embalar minhas noites frias.

Por só Ter você em imagem
Revelando-se como uma linda fantasia
Entra pela madrugada em ventos frescos
Trazendo lembranças vivas em alegorias.

Ouvi-se um  total silêncio urbano,
Palpitar a esperança em nostalgia,
Responda-me ao meu desespero
Transporta-me em pensamentos
Sendo meu mentor o meu guia.

Na distância minhas ansiedades aumentavam,
Sofrendo  com tamanha ilusão...
Ora as emoções chegavam em espasmos
Tratando de chamar-me  de  volta  a razão.

Propriedade privada me sentia,
Vinculada explicitamente a tua alma,
Preenchendo-me todos os vazios...
E simplesmente  entregando-te por inteiro eu fazia.

Estrutura meu ser, perfeito equilíbrio,
À  mente errante já não faz mas sentido.
Liberto-me dos valores apreendidos,
Fragmenta os pensamentos por Ter ti conhecido.

Morgana Rosa
Enviado por Morgana Rosa em 19/11/2004
Código do texto: T137

Copyright © 2004. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Morgana Rosa
Salvador - Bahia - Brasil
248 textos (11185 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/09/16 10:50)
Morgana Rosa