Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ME PERMITO SER MULHER

ME PERMITO SER MULHER

A MÚSICA ME INVADE
ME CONTEMPLA TOTALMENTE
MERGULHO EM MIM MESMA
EM CADA CÉLULA, SUTILMENTE
EMBALO AO VENTO ALEGRIAS
TRIUNFOS E NOSTALGIAS

ME VEJO CRIANÇA
CORRENDO NA ESPERANÇA
DE SER UM GIGANTE
ME ENCOLHO NO ESCONDERIJO
DE MEUS SONHOS SECRETOS
TACITURNOS BAILADOS

IRROMPO AS FLECHAS DA PAIXÃO
QUE ENCANTAM A EMOÇÃO
ME SINTO LEVE, ENTÃO
VÔO LIVRE NAS ENCOSTAS
NAS ALTURAS
NAS MARÉS E NOS CABARÉS
VEJO A FESTA DOS AMANTES
SORRISOS FALSOS E LARGOS TEMORES
MELINDRES INCONVENIENTES
DA ALCOVA DE AMORES

TÃO SUAVE A NOITE CAI
E ESTRELAS ME VÊEM SAUDAR
ALEGREMENTE ME FAZEM BRILHAR
CINTILANDO AS DORES
OCULTANDO CHOROS
PINTANDO AS CORES
DE UMA PAZ BRANCA, AZUL, LILÁS
E MINHA PAZ EXPLODE
E ALCANÇA O UNIVERSO
ONDE REPOUSO MEU SONHO
EM TEUS BRAÇOS
E ME PERMITO SER MULHER
NENINHA ROCHA
Enviado por NENINHA ROCHA em 23/06/2006
Reeditado em 09/08/2006
Código do texto: T181231
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
NENINHA ROCHA
Guarapuava - Paraná - Brasil, 56 anos
310 textos (10916 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 16:26)
NENINHA ROCHA