Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LÁGRIMA REBELDE

       


Lágrima rebelde, cristalina,
Desliza desvairada
Nas colinas do meu rosto.
É certo, um homem não chora.
Quantas vezes tenho chorado,
De alegria ou de desgosto.
Falso provérbio sem nexo,
Vivendo da tradição,
Lágrima não tem sexo,
Quando sai do coração.
Pérola brilhante, luzidia,
Iluminas o olhar,
Meu coração está aberto,
Uma lágrima a deslizar.
Nas colinas do meu rosto,
Te recreias dia a dia,
Levas mágoas e desgosto,
Trazes amor e alegria.
                     
Carlos Cardoso Luis
Enviado por Carlos Cardoso Luis em 07/07/2006
Reeditado em 11/07/2010
Código do texto: T189091
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carlos Cardoso Luis
Portugal, 70 anos
44 textos (1228 leituras)
1 áudios (71 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 16:46)
Carlos Cardoso Luis