Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Silêncio

                                  O SILÊNCIO


Eu amo o silêncio
O silêncio da noite e do dia
O silêncio do amanhecer
Do sol que a terra irradia.

Não acho que o silêncio seja trevas
E nem que o silêncio seja tristeza
Alegro-me com o silêncio
Nele contemplo a natureza.

O silêncio não é solitário
O silêncio não é vazio
O silêncio não é mercenário
O silêncio não é frio.

Eu amo o silêncio
Ele não é solidão
Eu amo a monotonia
Ela não é prisão.

Não acho que o silêncio seja martírio
Aos corações dos ociosos
Martírio é o barulho de guerra
Dos homens gananciosos.





Valter Figueira
Enviado por Valter Figueira em 14/07/2006
Código do texto: T193847
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Valter Figueira
Carlinda - Mato Grosso - Brasil, 48 anos
39 textos (2147 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 08:08)
Valter Figueira