Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Madrugada sem Luar- Dueto Syl & YAN

* Yan

Ela não veio me ver,
A lua fria e ingrata.
Está lá escondida,
Como se negasse seu brilho prata
Palavras quietas me envolvem,
Mas, e minha fome de você?
Mata minha fome, vem!
Povoa o deserto de meus ais
Saudade do teu riso calmo,
Palavras somem, noite se esvai.

* Syl
   
A lua surgiu no céu,mas você não viu
Brilhou e iluminou seu caminho,
Você não viu...
Ficou envolvida em seus murmúrios,
Abraçou você,matou sua fome,
Mas,você não viu...
Sorriu calmamente;
Disse baixinho:- amo você!
E sumiu na noite fria,
Sem você...
   
 
   
 
   
 
Syl Signoretti
Enviado por Syl Signoretti em 15/08/2006
Reeditado em 19/08/2006
Código do texto: T217299

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Syl Signoretti
Itajubá - Minas Gerais - Brasil
933 textos (89325 leituras)
76 áudios (9216 audições)
1 e-livros (309 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 09:15)
Syl Signoretti