Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Exilio

Sinto-me fora do mundo
sem versos, caído, aleijado
atraído ao fel profundo
a dor de um coração exilado...
em movimento, rotundo
me acompanha ,lembranças de amar...
e me livro do imundo...
a lutar e trovar.

Ao céu alço minha voz..
sinto o jorrar do gomil...
e agora, no caminho algoz..
busco da alma, o azul anil...
sei a dor da espera
essa que a trova me deita
dos meus versos que tivera
em alma que o anil enfeita...

Logo, volto ao meu mundo
do exílio de minhas poesias
retirado do amargo fundo
da lembrança-vigia
do labirinto, da mente...
da claridade e magia...
do coração e o que sente.
Jose Carlos Cavalcante
Enviado por Jose Carlos Cavalcante em 19/07/2005
Código do texto: T35807
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jose Carlos Cavalcante
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
730 textos (54067 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 12:55)
Jose Carlos Cavalcante