Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PASTORIL

PASTORIL

Devagar o sol se estende pelo campo...
A aragem vem compor belas canções,
pelas flores, pelas folhas, pelos ninhos
a soprar-lhes os segredos dos rincões!...

E, ao ovo aquecido, que encanto!..
Nova vida, meiguice de passarinho!

De lagarta que se arrasta e é tão feia,
borboleta, flor alada, voluteia!

Sonho em pomos, luz macia, geratriz
popa rica que alimenta, lindo fruto!
E uma boca seletiva lança ao chão,
substância enrijecida em semente,
sem contar: mora ali toda magia!..
Um pomar inteiro dorme, na matriz!

Natureza, linda noiva, lindo véu!
abundância da cascata cai do céu!..
Suas águas continuam a correr,
pelos vales, pelos prados, farto rio,
se oferece, despojado ao beber!

Vibra fibra, linfa ninfa, vive e dura!
Tudo é vivo, lábil, hábil na Natura!
A magia incomum do Universo,
não se enquadra, jamais,
em "N" versos !
Campesina canção em tom silvestre...
Bucolismo em cantata vesperal...
Cantatriz canteando, a natureza,
acalanta,  recriando, a si mesma!




Maria Mercedes Paiva Paiva
Enviado por Maria Mercedes Paiva Paiva em 05/10/2005
Código do texto: T57054
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Mercedes Paiva Paiva
São Paulo - São Paulo - Brasil, 66 anos
76 textos (4411 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 12:26)