Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FLAMBOYANT

Vejo um muro velho
bem perto dos meus
olhos...

O olhar repousa nas frestas,
um avô flambouant me guarda

Rachaduras sem janelas:pinturas.
Um banco de pedra,encostado
no muro:guarida.

Folhas verdes,descansam no banco.
Passam pessoas,mas o velho muro,nem se importa.

Continua a sua lida de ser matéria,
nada morta:poesia...



LuciAne 29/09/07
16:54
Poesia On-Line
Luciane Lopes
Enviado por Luciane Lopes em 01/10/2007
Reeditado em 06/03/2010
Código do texto: T675603

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Luciane Lopes
Mirassol - São Paulo - Brasil, 46 anos
1215 textos (60432 leituras)
47 áudios (3088 audições)
1 e-livros (120 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 09:43)
Luciane Lopes