Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

                  PONTO-POR-PONTO

Meu desassosêgo,
Casa com o dia nublado
meus sonhos parecem enrêdo,
de um samba desafinado
Confundindo... Lá com  Dó,
num desacêrto de notas,
pairo à esmo dando voltas,
reinventando... um sonho... Só,
Sonhar... É o que importa!
Cato os cacos que disponho,
tão impregnados...De ausências!
Confinados pelo tempo...
Esquecido...Frágil... Sem crença!
Atrevo-me à resgata-lo...
E `a vida...Eu pago a fiança!
E vou compondo-o...
Na intenção de alcança-lo!
Enquanto  desfío minhas lembranças,
costurando os retalhos,
ponto - por - ponto... Amealho,
Um sonho antigo... De esperança!




05/10/2007




IZA SOSNOWSKI
Enviado por IZA SOSNOWSKI em 05/10/2007
Reeditado em 16/10/2007
Código do texto: T682338

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
IZA SOSNOWSKI
Minas do Leão - Rio Grande do Sul - Brasil
516 textos (19377 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 05:00)
IZA SOSNOWSKI