Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CÉU

Ei-lo, dentro da noite, olímpico, ostentando,
A estrelar cravação que o peito lhe atravessa.
São um sol fragmentado as estrelas em bando
- Cada estrela assinala uma solar promessa.

É grande como Deus esse Azul formidando,
Essa amplidão sem termo, imensurável, essa
Ubíqua vastidão, que, os mundos abraçando,
Principia onde acaba e acaba onde começa.

Devotando o meu culto ao majestoso templo
Da astral religião - enlevado, contemplo,
Dentro da noite calma, o céu da noite acesa.

E me fico a pensar, e, pensando, o suponho
O interior de um crânio, onde existisse, em sonho,
A beleza imortal de toda a natureza!

NESTOR TAMBOURINDEGUY TANGERINI - NNT.
Bergamota
Enviado por Bergamota em 08/11/2005
Código do texto: T68934
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Bergamota
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 121 anos
104 textos (3806 leituras)
4 e-livros (92 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 08:54)
Bergamota