Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Becos e ruas

Ando pelas ruas sem saída
Ando por muitos cantos
Ando decaído, ando...
Já andei em muitos lugares esquecidos
Em muitos corações sem dono
Em muitas cabeças perdidas
Já andei falando de alguém
Já andei em cima de corações
Mas já o idolatro também
Ando com amores
E pretendo continuar andando
Ando pela casa vazia, cheia de gente
Gente que fica na nossa mente
E presentemente nos agrada com suas lembranças
Mas nos entristece com sua ausência
Ando atrás de gente, gente anda atrás de mim
Ando pela rua da casa vazia
Ando pela rua prometida e sem saída
Ando procurando reposta para tudo
Mas me perco no beco da vida
Ando tentando deixar feliz
Mas continuo tentando
Ando pela rua da minha vida
Rua curta, esburacada e mal feita
Ando pela rua de meu amor
Rua bem feita, longa e chamativa
Mas tal rua não tenho a chave ainda
Chave que abre o coração
O coração de tal menina
Apenas continuo andando
Andando para um destino desconhecido
Um destino
Ó destino.
Lucas Castelo
Enviado por Lucas Castelo em 21/10/2007
Código do texto: T704189

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Lucas Castelo Viana). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lucas Castelo
Fortaleza - Ceará - Brasil, 26 anos
316 textos (13147 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 06:43)
Lucas Castelo