Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESPERA...

Não estou de solidão,
Não estou de tristeza,
Não estou de paixão.

Tô assim pra vida...
Tô assim à toa...
Tô assim querendo...

Não vejo a lágrima brotar,
Não sinto o gosto do sal,
Não ouso o inverno das horas.

Tô pra estar...
Tô pra ser...
Tô pra ver...

Como o vento que faz sopra a brisa,
Como a nuvem que trás a tempestade.
Como o momento que revela a saudade.

Tô de boa...
Tô sem asas...
Tô em mim...

Não abrigo a dor,
Não acolho a morte,
Não semeio o sonho.

Tô como a lua...
Tô como as estações...
Tô como o tempo...

Tantas vezes estou cheio, outras tantas minguante,
Tantas vezes fui primavera, outras tantas outono,
Tantas vezes estive presente, outras tantas ausente.

Estou assim sem perguntas...
Estou assim sem respostas...
Estou assim na espera...
tchellyno
Enviado por tchellyno em 03/11/2007
Código do texto: T722188
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
tchellyno
Ceilândia - Distrito Federal - Brasil, 50 anos
53 textos (2501 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 02:16)
tchellyno