Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto




Não, não sei como falar-te
Desta alma sonhadora
Que olhando o céu desenha
Uma paisagem colorida
Entre as nuvens imagina
Um mundo que se desdobra
Paralelo a este outro
Donde minha alma se evola

Sou a eterna criança
Brincando à beira da praia
Vou desenhando na areia
Versos que o mar de repente
Desfaz e refaz em espuma

Mas sorrio, não me importo
Fico na margem tranquila
Vendo a areia que rola
E o meu sonho recomeça
Erguendo castelos de espera
Em minha alma, sonhadora.



Maria Petronilho
Lisboa, 5/12/2003
Maria Petronilho
Enviado por Maria Petronilho em 28/12/2004
Reeditado em 17/12/2006
Código do texto: T990
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Maria Petronilho (registo www.igac- ref 2276/DRCAC - Ministério da Cultura, Portugal)). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Maria Petronilho
Almada - Setúbal - Portugal, 64 anos
1238 textos (130176 leituras)
60 áudios (14337 audições)
9 e-livros (5064 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/09/16 17:50)
Maria Petronilho

Site do Escritor