Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A primavera é um poema

"Dedicado aos recantistas primaveris"

Se chora esta chuva a doçura de sentir,
canta em versos a minha mente liberta;
a fímbria ida que se apressou em partir
visita a lembrança e me desenha poeta!

O cântico seduzindo os meus sentidos
faz tanto amor nas entrelinhas mudas,
que impossível é corações tantalizados
emudecerem suas juras mais veladas!

O amor explode peito afora e transcende!
Se sol em chuva faz arco-íris cor primavera
meu suspiro arranca e nas floradas prende
cada ansiedade,cada esperança passageira!

Como não ser poeta ante imenso florescer
constelando d'estrelas d’arte tantos sonhos
e ao lado deles enflorescendo o nosso ser,
que balbucia mago sussurrar em carinhos!

Lírios,orquídeas,amanhã verei frondejarem
no incrível desfile que a natureza patrocina,
mas já pressente a alma perfumes a tocarem
e que toques acariciantes o cosmo governa!

A primavera dita poema do vers' ao soneto,
em silhueta elegante de sutil extravagância,
seja num acróstico, no poetrix, no quarteto,
faz o sonho extrapolar o cordel da fantasia!

Quem souber sonhar e flores colher a cantar
que se batize um poeta do eterno perfumar,
que estação de cores risonhas é poesia no ar,
convite irresistível que ensina o verbo amar!

Santos-SP-21/09/2006

Inês Marucci
Enviado por Inês Marucci em 21/09/2006
Código do texto: T245349
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Inês Marucci
Santos - São Paulo - Brasil, 54 anos
584 textos (23416 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 23:38)
Inês Marucci