Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

RECANTO, AMANHÃ NO TEU ANIVERSÁRIO.

Oh! ingenuidade!... pensei que te conhecia!...
pensei que tu eras aquela poesia,
que fosses o conto que li ainda agora;
que fosses o choro do poeta que chora;
e que eras a história contida num livro.
 
E tanto pensei, para te dar um presente:
- em vestidos azuis, em fitas amarelas
em anéis, pulseiras e colares
em gravatas sisudas e carteiras de notas
Mas a dúvida persistia, já quase desvario.
 
Ainda te via, das Musas, como se fosse a casa...
 
Agora sim, de mim se riu Talia,
quando lhe disse Clio,
que parei de pensar
- por te sentir amigo...
 
Recanto, amanhã te darei uma poesia,
- presente que vou compor -
isso, eu vou ver se consigo...




(através dessa poesia que constou no livro de aniversário do Recanto, cumprimento a todos pela amizade, consideração e carinho que temos mútua e reciprocamente entre nós e pelo Recanto das Letras).
Marco Bastos
Enviado por Marco Bastos em 20/11/2006
Reeditado em 20/11/2006
Código do texto: T296118
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para "http://www.recantodasletras.com.br/autor_textos.php?id=1583 "). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marco Bastos
Salvador - Bahia - Brasil, 72 anos
1717 textos (87478 leituras)
2 áudios (495 audições)
1 e-livros (791 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 14:04)
Marco Bastos