Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pintei a minha alma de multi cores

Como artista que sou,
resolvi pintar a alma,
como se fosse a Primavera,
de lindas cores verdejantes.
Coroei de flores de jasmim,
lindos ramos verdes e viçosos,
deixei a madrugada humedecer,
com as gotas de orvalho.
Quis aquecer a alma,
trouxe o sol dourado,
banhei no mar refrescante,
secando na areia quente.
Cansada de sol,
quis trazer o Outono,
nos seus tons acastanhados,
deixando ela banhar nos rios.
Trouxe o manto de paz,
frio, branco e magnifico,
senti o amor elevar
no vermelho da lareira.
Assim visto e pinto a alma,
conforme a minha dor,
gostaria de ter cores claras
mas por vezes são carregadas.
Mas o artista também inventa,
por isso vou usar só as tons pasteis,
deixar a ilusão me levar
nos sonhos de uma alma contente
Betimartins
Enviado por Betimartins em 15/09/2007
Código do texto: T653128

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Betimartins
São José do Rio Preto - São Paulo - Brasil
1675 textos (97746 leituras)
9 áudios (899 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 19:20)
Betimartins