Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

OLHOS AZUIS.

Azul, cor da minha felicidade;
Tom que transmite tranquilidade.
Olhos que me contemplam,
Olhar que revela serenidade.

Azul, cor da minha perdição.
Coloração para a minha calmaria.
Meu fascínio da maravilha tentação!

Seu olhar atencioso, me devorando...
Azul que brilha como diamante,
Num brilho constante me deslumbrando.

Olhos azuis do meu sonho íntimo,
Sua existência é um impulso de essência.
Estou estremecida com esta sensação,
Você é a agitação no meu coração.

Amor, meu amor azul!
Mais uma vez nos afastamos
E o nosso amor não sobreviveu.
Tornando-se um conto de magia,
Com estilo de muita simbologia.

Azul, minha perdição eterna!
Olhos que um dia me contemplaram
Hoje, não me apreciam...

As suas lágrimas têm a cor da paz!
Amor azul que tivera gotas em seu semblante.
A sua intensidade refletiu em desabafo,
Lágrimas que nasceram direto da fonte.

Olhos azuis, cor nítida da pureza.
Sua inocência apenas em seu olhar,
Ingenuidade apenas em sua atuação
Sem intenção de amar, sem afeição.


06.08.2007
* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigada!
Graciele Gessner
Enviado por Graciele Gessner em 24/09/2007
Reeditado em 21/07/2011
Código do texto: T666154
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome da autora Graciele Gessner). Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Graciele Gessner
Timbó - Santa Catarina - Brasil
963 textos (121461 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 18:30)
Graciele Gessner