Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
O VALOR DA ALEGRIA


Era um desses dias,
Em que a nuvem da monotonia,
Ofusca o brilho do olhar,
Ainda assim, saí por aí pra variar,
Fui pedalar...
Buscar guarida,
Nas trilhas da vida,
Driblar a rotina,
Nas montanhas de minas,
Tamanha surpresa,
Tive então,
Em minha direção,
Curtindo a natureza,
Um outro ciclista,
Mandando vê na pista,
Com um sorriso que contagia,
Me disse um espontâneo bom dia,
Não tinha uma das pernas,
E uma das mãos,
Mas, sua força interna,
Abalou meu coração,
Bom dia!
Respondi boquiaberto,
Paralisado de certo,
Com aquele momento impar,
Assoviando ele seguiu,
Numa vitalidade sem par,
E nem viu,
Na minha face, uma lágrima rolar,
Passada aquela cena,
Tive pena,
De mim e de tantos,
Que por qualquer, entretanto,
Deixa de sonhar.
E fiquei a me perguntar;
Enquanto a paz me invadia;
...Quanto custa a alegria?

DELEY
Enviado por DELEY em 07/11/2007
Código do texto: T727200

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
DELEY
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
4964 textos (187816 leituras)
4 e-livros (1657 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 06:30)
DELEY