Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FIM DE TARDE II






A tarde está tão indolente e calma.
E com carinho e numa maciez de veludo
As nuvens partem rumo ao firmamento.
O céu assoma um sorriso puramente largo,
Pois a noite não tarda a chegar.
Esbraseia no horizonte uma agonia melancólica.
O sol delineia-se além do alvorecer uma luz sombria.
A natureza trêmula entra em repouso.
E anoitece...


ALBERTO ARAÚJO
Enviado por ALBERTO ARAÚJO em 14/11/2007
Código do texto: T736977
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
ALBERTO ARAÚJO
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
3138 textos (159417 leituras)
33 áudios (3220 audições)
35 e-livros (6654 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/11/17 06:01)
ALBERTO ARAÚJO

Site do Escritor