Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CARINHOS PERENES, SONHOS ETERNOS

à Sónia Imperatriz Borboleta Rainha
CARINHOS PERENES, SONHOS ETERNOS
Canção da borboleta e do sonhador

Há uma lenda
Que se canta
Nas noites de calor
É a história
Da

Canção da borboleta e do sonhador

Ela vinha do país
Do carinho
Ele vinha
Das nuvens
E procurava idêntico caminho
Ambos aspiravam
Por afectos ternos
Juntos trocaram

Carinhos perenes, sonhos eternos

Porque amar a imensidão
Era o seu trabalho
Não declarada aos impostos profissão
Guardados em si
Viram-se por acaso
Gostaram do que viram
E fizeram esta canção


Atravessaram caminhos terríveis
Mergulhando na sua ternura
Acreditaram no impossível
Trilharam a via sacra da imensidão
E guardaram o que viram
Bem dentro do seu coração
E o que viram
O que sentiram?
Não sei
Só sei que foram coisas de espantar
Que muitos
Iriam maravilhar
Mas há certas coisas
Que só são belas
Se não forem reveladas, se a ninguém se contar
Deixaram apenas uma frase como pista:

 

Carinhos perenes, sonhos eternos

Miguel Patrício Gomes
Enviado por Miguel Patrício Gomes em 15/06/2006
Código do texto: T176123

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Miguel Patrício Gomes
Portugal
5078 textos (170360 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:39)
Miguel Patrício Gomes