Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
SAUDADE

De repente
eu me perguntei por você.
Onde estaria?
Seria feliz?
Infelizmente, 
eu não soube responder.
Tudo bem!
Enfim,
você também
não deve saber de mim.
Parece justo,
simples assim...
mas, na verdade,
há uma saudade.
plangente,
sem fim.
Não sei se é amor
mas seja lá o que for
dói dentro de mim.


silasol
Enviado por silasol em 08/07/2006
Código do texto: T190239

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (CITE O NOME DO AUTOR E LINK PARA A OBRA ORIGINAL). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
silasol
Sabará - Minas Gerais - Brasil, 65 anos
653 textos (73332 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 06:18)
silasol