Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A BORBOLETA DA FOZ DO ORIENTE

À Sónia Princesa Imperatriz Borboleta Rainha, amiga, sobretudo amiga que me está a marcar para sempre
A BORBOLETA DA FOZ DO ORIENTE

Conheci-te um dia
No papel dum país distante
Conheci
E nada ficou como dantes

Nas asas das palavras
Por essas palavras belas
Me Deixei encantar
Pois o teu voo era e é belo
De tal ordem
Que por ti me comecei a apaixonar
Palavras te dei
Te estou a dar
Numa dor que espero passar
Vens duma terra distante
Aqui tão perto
E tudo o que és
É tão belo
Encarnas outros tempos
Que estão a passar
Encarnas histórias de honra
Que todos querem apagar
E essa terrível dor que me consome
Desejo que seja uma pequena gigantesca contrariedade
Para depois de muitos copos
E esquecer o coração
Me poder entregar
À tua doce e sem igual amizade
O futuro começa das trevas a ressurgir
Vivo para ele
E ele o quero sentir
És a rainha do teu reino
E daqueles que têm a sorte de te ver voar
És das coisas mais belas
Que um dia eu quis sonhar
Os teus gestos
E tudo o que és
São como uma voz maravilhosa
Do sol poente
Tudo em ti é harmonioso
Minha linda

Borboleta da foz do oriente
Miguel Patrício Gomes
Enviado por Miguel Patrício Gomes em 09/07/2006
Código do texto: T190387

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Miguel Patrício Gomes
Portugal
5077 textos (170339 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:18)
Miguel Patrício Gomes