Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DEIXA-ME GOSTAR DE TI

À Sónia Princesa Imperatriz Borboleta Rainha, grande e delicada amiga, que me está a marcar para sempre

DEIXA-ME GOSTAR DE TI

Duma maneira simples
Sem obstáculos
E muito menos o incomodo amor
Deixa-me gostar de ti
Como queiras
Pela simples razão que Tu existes

Amiga do sol e das trevas
O primeiro mostras
A segunda
No fundo do bem enterras
Deixa-me gostar de ti
Porque se o dia tem o teu nome
A noite tem a tua marca
Nela eu crio
A minha alma
A dor disfarça
Ou pura e simplesmente desvanece
Deixa-me gostar de ti
Porque o teu dom pelo belo
Assim o merece

És um poema inspirado
Um texto com dom
És um pedaço de luz
Um dia bom

Porque pelo simples motivo que existes
O meu carinho sem tamanho
Persiste
Em busca da tua amizade
Que vale tudo no mundo
Porque apesar do tempo
Me comer a idade
O tempo torna-me mais sábio
Mais sabedor
E tudo é tão lindo
Quando estou a teu redor
Que pode ser mesmo
Estando tu na Terra
E eu do outro lado do Universo
Laços de fraternidade
Tornam-nos indestrutíveis
E eu a ti
Dou comigo a falar em verso
Deixa-me gostar de ti
Que eu jamais
Te voltarei a deixar ficar mal
Devo-te a paz
O carinho
Tudo quanto de mim é belo
Porque o belo para mim
É o ar que respiro
É fundamental

Deixa-me gostar de ti

Miguel Patrício Gomes
Enviado por Miguel Patrício Gomes em 10/07/2006
Código do texto: T191111

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Miguel Patrício Gomes
Portugal
5077 textos (170354 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 06:30)
Miguel Patrício Gomes