Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SAUDADES...




O MEU CHANCHÃO
Todos os dias bem cedo eu acordava
O azul do céu,a paz refletia sensação
Na varanda feliz , bem alto cantava
Meu amigo e companheiro,chanchão
Mas um dia,ao despertar me assutei
Parecia que  o mundo havia calado
Preocupado,rapidamente levantei
Quanta tristeza,o cantador foi levado
Pra onde foi,jamais eu saberei
Outras vidas deverá estar alegrando
E com a sua imponência de um rei
Em outra varanda deve estar cantando
Irradiando com certeza muita alegria
E ainda bem cedinho acordando o dia
Mas ainda que com dor no coração,
Mesmo distante faz uma homenagem
Canta a beleza, querido chanchão...
 
 

Enorê Rodrigues
Enviado por Enorê Rodrigues em 12/07/2006
Código do texto: T192480
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Enorê Rodrigues
Maricá - Rio de Janeiro - Brasil, 67 anos
123 textos (11898 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 12:58)
Enorê Rodrigues