Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O PALÁCIO DAS BORBOLETAS(continuação da Praia das 1000 borboletas)

À Sónia Princesa Imperatriz Borboleta Rainha, Doce amiga que eu gosto desde o princípio dos tempos e que só irei deixar de gostar no final desses infinitos tempos
                         O PALÁCIO DAS BORBOLETAS
               (continuação da Praia das 1000 borboletas)


Fica

Na Praia mágica…

O palácio das Borboletas

A mais linda das construções
Que não saiu de mãos humanas
Foi vertida dos seus sonhos
Da raiz das suas infinitas razões

Porque quando se constrói algo
Há sempre motivos
Para ele existir
Ou para não o deixar
Subsistir…

Por isso esta casa
Dum milhão de divisões
É fruto
Da mais pura das emoções…

Não tem nexo
A um observador comum
Mas também tal não importa
Pois ali
Não entra qualquer um…

Entra apenas
Quem a vida sabe aproveitar
Sempre, sempre
Com o insubstituível sonhar

Porque é ele que o guia
Dentro e fora dela
Que lhe dá lógica
Que a torna mais bela

Porque lá
Não habitam
Apenas borboletas
Lá é convidada a entrar
Qualquer pessoa
Que tenha alma de poeta
E que sinta
Que o sonho
É uma evasão
Mas também
Porta aberta para a realidade
Desde que o sonho
Tenha esse pedaço enorme de genuinidade
De candura
De muito amor
Duma crença sem fim
Na mais pura inocência
Que nunca se perde com o tempo
Que é vitoriosa
Sobre a mais dura
Das amarguras
Pois se a perdermos
Perdemos o motivo
Da nossa existência…

Miguel Patrício Gomes
Enviado por Miguel Patrício Gomes em 28/07/2006
Código do texto: T203945

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Miguel Patrício Gomes
Portugal
5077 textos (170321 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 12:47)
Miguel Patrício Gomes