Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AS TUAS DOCES BORBOLETAS

A ti, a minha mais adorada borboleta, flor princesa imensa, mais profundo amor, maior Amiga:
                   AS TUAS DOCES BORBOLETAS

Escrevem no céu
Belas histórias
De encantar
Mas só as pode ler
Quem sabe sonhar

As tuas doces borboletas

Estão na dimensão
Dos meus planetas
Mas enquanto neles
Eu escrevo histórias tristes
Com elas
Tu redescobres todos os dias
A linda razão
Porque existes

As tuas doces borboletas

Viajam até ao espaço
Onde o futuro é claro
E não
Como nos meus mundos, baço…

As tuas doces borboletas

Já me ensinaram a sorrir
Basta que veja só uma
Lembro-me de ti
Devolvendo-te a carícia
Se é que tal
Me podes permitir…

As tuas doces borboletas

São únicas
Pois como tu
Tem a alma
E a beleza
De um poeta
Nunca serão presas a nenhum jardim particular
Elas são do mundo
Para o mundo as adorar
Tal como eu gosto delas
E imensamente da tua pessoa
Talvez seja por isso
Que a distância
De ti
Tanto me doa…

As tuas doces borboletas
Miguel Patrício Gomes
Enviado por Miguel Patrício Gomes em 13/09/2006
Código do texto: T239178

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Miguel Patrício Gomes
Portugal
5077 textos (170312 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:34)
Miguel Patrício Gomes