Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu sou a, amizade.(poema para, Dama de Negro)


Esta noite eu tive...
Um sonho meio estranho
Em meu sonho eu via a Senhora
Andando em minha direção
Na mão, trazia uma rosa branca.
Tão branca quanto suas vestes
Com graciosidade e leveza
Com a mão estendida
A rosa, a Senhora me oferecia.
Mas era tudo, tão estranho.
Eu não conseguia me aproximar
Embora nós os dois caminhássemos
Um para o outro, você continuava lá.
Parada, com um sorriso nos lábios.
De repente, ouvi suas vós que me dizia.
A rosa é para você pegue-a, ela e sua.
E quando perguntei quem era a Senhora.
A Senhora apenas me respondeu.
Eu sou a, amizade, agora vá.
E cuide desta rosa com fé e amor
Pois enquanto esta rosa for amada
O meu reino será, de amizade e paz...

vovonei

Balneário dos Prazeres: 19/10/2006


Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 21/10/2006
Reeditado em 21/10/2006
Código do texto: T269603
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147479 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:38)
Volnei Rijo Braga