Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A palavra

É passarinho selvagem
Se escapa não volta
É livre e você que se vire

É carregada de eletricidade
Embebida em mistério
A mente e o coração entendem

A mente entende o que é dito
O coração o que não é
É céu; é inferno

O que desespera é que
“O peixe morre pela boca”
Falou besteira, já era

O que dá esperança é que
“A voz executa o trabalho do Buda”(1)
Essa é a palavra de coragem

Rompe as nuvens escuras
Do silêncio, da solidão
Traz amizade, sorriso, borboleta azul

Acende o sol no coração
Abre as janelas da alma
Floresce os jardins da vida

A palavra certa derrete a tristeza
Fertiliza o solo do coração
Faz a vida pulsar doce

Escreva para alguém
Fale com alguém

1. Nitiren Daishonin
Carlos Henrique Fernandes Gomes
Enviado por Carlos Henrique Fernandes Gomes em 28/10/2006
Reeditado em 28/10/2006
Código do texto: T276020
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carlos Henrique Fernandes Gomes
São Paulo - São Paulo - Brasil, 45 anos
197 textos (12988 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 11:53)
Carlos Henrique Fernandes Gomes