Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEUS TESOUROS

MEUS TESOUROS
Jorge Linhaça

Sinto-me o mais rico dos homens,
agrego meus tesouros diariamente,
mas ficam à vista de toda gente,
pois tais riquezas não se consomem.

Meus tesouros crescem ao se partilhar,
quanto mais os divido, mais os tenho,
não são fabricados em nenhum engenho,
são de todos que os podem encontrar.

Se estão curiosos para enfim saber,
quais desses tesouros trago comigo,
fiquem tranquilos que vou responder,

meus tesouros são do mal um abrigo,
o maior tesouro que pode alguém ter,
meu tesouro são vocês, meus amigos!



Jorge Linhaça
Enviado por Jorge Linhaça em 16/11/2006
Código do texto: T293215
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Linhaça
Salvador - Bahia - Brasil, 55 anos
3723 textos (711182 leituras)
95 áudios (13093 audições)
1 e-livros (277 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 12:28)
Jorge Linhaça