Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Dores de Jesus

Todos nós temos as nossas dores...
As tuas, surgiram das quebras paradigmáticas.
Teus pensamentos ficaram a mercê da consciência.
Tão dignos quanto as tuas dores dogmáticas.

Você não precisa ser paradoxal...
Para comprimir tua mente de tal forma
Fazendo da tua idéia, o incondicional.

A tua arte dita uma pauta ética
Embrenha-se nas mentes mutáveis.
Tornando-se uma referência poética.

A tua poesia é pura e verdadeira
Teu manancial hidropoético é bem alimentado,
Teu rio de versos será eternamente perenizado.

(Depois que li Poema da dor, fiz esta homenagem ao meu amigo poeta Jesus Ramos)
Zedio Alvarez
Enviado por Zedio Alvarez em 19/11/2006
Reeditado em 03/11/2008
Código do texto: T295318
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Zedio Alvarez
Petrolina - Pernambuco - Brasil, 59 anos
3324 textos (117337 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 18:49)
Zedio Alvarez